Atrás departamento de Cardiología

TRATAMENTOS QUE OFERECEMOS

Realizamos todo o tipo de procedimentos cardiológicos, temos uma ampla experiência na ablação de arritmias, cateterismo cardíaco, intervenções percutâneas, na implantação de pacemakers e desfibrilhadores automáticos e na reabilitação cardíaca.

Possuímos a tecnologia mais avançada para o diagnóstico e tratamento de doenças coronárias: sala de hemodinâmica digitalizada, guia de pressão, stents e ressonância intravascular.

Oferecemos atenção personalizada ao paciente com eficácia e eficiência. Atendemos e tratamos casos comuns e complexos. Sem lista de espera para intervenções.

PRECISA BUSCAR UMA SEGUNDA OPINIÃO?

Imagen con los pasos que hay que dar para solicitar una segunda opinión en la Clínica Universidad de Navarra

Caso necessite a opinião médica dos nossos especialistas sem necessidade de deslocar-se à Clínica, oferecemos-lhe a possibilidade de realizar uma consulta de Segunda Opinião não presencial.

A ablação de arritmias resolve 90% dos casos e reaparecem em menos de 5%

A ablação das arritmias mediante radiofrequência é um tratamento de primeira linha que é indicado em grande medida para taquiarritmias supraventriculares e algumas ventriculares, pela sua alta taxa de êxitos e baixa probabilidade de complicações.

Esta técnica consegue solucionar mais de 90% das arritmias e apenas em menos de 5% dos pacientes voltam a reaparecer.

O procedimento faz-se através da punção de uma veia da virilha, requer unicamente anestesia local, e o paciente pode ter alta em apenas umas horas.

A Clínica Universidade de Navarra conta com cardiologistas especializados em realizar este tipo de técnicas. 

O cateterismo cardíaco pode-se utilizar tanto com fins diagnósticos como terapêuticos

O cateterismo cardíaco consiste em introduzir um cateter através de um acesso vascular (arterial ou venoso), bem como na virilha (acesso femoral) ou no braço (acesso umeral).

O cateter desloca-se até ao coração onde se obtém distinta informação.

É um procedimento complexo, mas o risco para o paciente é muito baixo e os seus incómodos, mínimos. Além disso, os benefícios derivados da informação que proporciona são muito altos.

Primeiro hospital navarro em substituir uma válvula aórtica através de implantação percutânea
Existem diferentes técnicas de intervenções percutâneas que são realizadas dependendo das características do paciente, grau e localização da obstrução, etc.

  • Angioplastia com balão e stent. A estadia no hospital e o tempo de recuperação com este procedimento são menores do que com um bypass.
  • Angioplastias complexas: Tratamento de 4, 5 ou inclusive 6 lesões com condições ótimas para serem tratadas a nível percutâneo, em apenas um procedimento que evita a cirurgia ao paciente.
  • Aterectomia rotacional (Rotablator) pode ser uma opção para determinados pacientes que não possam ser submetidos à angioplastia com balão.
  • Ablação percutânea consiste na aplicação mediante um cateter de algum tipo de energia com o objetivo de lesionar de forma limitada e controlada aquelas partes do tecido cardíaco imprescindíveis para o início ou manutenção das arritmias. - A ablação das arritmias mediante radio frequência. Faz-se através da punção de uma veia na virilha, requer unicamente anestesia local, e o paciente pode ter alta em apenas umas horas.
  • Encerramento de fugas paravalvulares (leaks).
  • Encerramento de forame oval da comunicação interauricular (CIA).
  • Encerramentos de ruturas parciais aórticas.
  • Encerramento do apêndice auricular esquerdo.
  • Desnervação renal para os casos de hipertensão arterial resistentes ao tratamento farmacológico.
  • Stents reabsorvíveis.

Contamos com um sistema para o controlo remoto de desfibrilhadores e pacemakers

Os dispositivos implantáveis são aparelhos eletrónicos capazes de analisar o ritmo do coração e tratar as arritmias mediante estímulos elétricos. Os mais usados são os pacemakers e os desfibrilhadores automáticos implantáveis.

O pacemaker substitui as funções do sistema de excitação e condução cardíaco. É implantada com anestesia local.

A recuperação da intervenção é rápida e permite a alta hospitalar em dois ou três dias. Quando se esgotam as baterias, cada seis anos, é necessário substituir o pacemaker. O desfibrilhador atua controlando o ritmo cardíaco de forma permanente.

O implante geralmente é realizado com anestesia local durante quase todo o procedimento exceto durante uns poucos minutos durante os quais se verifica o correto funcionamento do aparelho. 

Renascer com o início de um estilo de vida novo e mais saudável

Experimentar doenças do coração deve ser o início de um estilo de vida novo e mais saudável.

A reabilitação cardíaca ajuda-o fazendo com que o seu coração se recupere mediante programas de exercício físico e dá-lhe informação sobre possíveis mudanças no seu estilo de vida, que lhe ajudarão a manter um coração mais saudável.

Os fatores de risco mais importantes de sofrer cardiopatias são o colesterol alto, a hipertensão arterial e os diabetes. A combinação apropriada de medicamentos além de uma mudança no seu estilo de vida, podem ajudar-lhe a diminuir o risco de apresentar alguma doença do coração. 

talvezlhe interesse

RAZÕES PARA VIR

Porque é que a Clínica é diferente em relação a outros centros sanitários?

Imagen de una niña pequeña con cáncer por los pasillos de la Clínica

ENSAIOS CLÍNICOS

Deseja participar nos nossos ensaios clínicos? Conheça quais os que estão ativos.
Imagen médico investigando con microscopio

SERVIÇOS INTERNACIONAIS

Saiba o que fazemos para os nossos pacientes internacionais.
Entrada principal a la Clínica Universidad de Navarra