cancro da próstata

saiba mais sobre o cancro da próstata

O cancro da próstata é o tumor maligno mais frequente em homens na União Europeia, embora pouco frequente antes dos 50 anos. 90% dos casos se produzem em homens de mais de 65 anos.

Os avanços nas técnicas de imagem e nos programas de detecção precoce do cancro de próstata permitem atualmente diagnosticar a doença em etapas precoces em mais de 70% dos pacientes.

Os avanços terapêuticos no campo da cirurgia e radioterapia fazem com que o tratamento atual do cancro da próstata localizado consiga uma supervivência a 10 anos de quase 100%.

Uma abordagem multidisciplinar, com a atuação conjunta ou sequencial das especialidades envolvidas (urologia, radiologia, patologia, radioterapia e oncologia médica), é o cenário idóneo para orientar e tratar o paciente.

O Departamento de Urologia [ES] da Clínica, junto com o Departamento de Oncologia, faz um programa de diagnóstico precoce para maiores de 50 anos. Estes programas são muito importantes para nós, sendo que, em várias ocasiões, o cancro de próstata não produz sintomas e são detectados em revisões de rotina.

Imagen preview del infográfico sobre el cáncer de próstata
Saiba tudo sobre o cancro da próstata.
Faça download do infográfico
Diferentes tratamentos do cancro da próstata segundo o estado do tumor.
Diagnóstico e tratamento do cancro da próstata.

O cancro da próstata não possui uma apresentação clínica característica. Em muitos casos, o diagnóstico se faz a partir de uma revisão médico rotineira, com o paciente assintomático.

Em outros casos, aparece um quadro de dificuldade miccional crescente ou por apresentar sangue na urina.

Igualmente, pode aparecer sem sintomas relacionados com a micção, mas com sintomas secundários à extensão da doença fora da próstata, especialmente como dor óssea.

  • A idade é um dos principais fatores de risco de sofrer um cancro da próstata. De fato, mais de 70% dos casos acontecem com homens de mais de 50 anos.
  • Outro dos elementos que devemos levar em conta é a existência de fatores genéticos. A história familiar aumenta o risco de sofrer a doença, especialmente quando dois ou mais parentes diretos em primeiro grau (pai ou irmãos) são afetados por um cancro da próstata.
  • Ainda não foi comprovada a existência de uma relação entre o cancro da próstata com a ocorrência de doenças de transmissão sexual ou com a vasectomia.
  • Os hábitos de saúde também influem na possível ocorrência de um cancro da próstata e são muito relacionados com desnutrição, obesidade e sedentarismo.
  • Fumar é outro dos fatores que podem favorecer a origem deste cancro, sendo que ele aumenta a secreção hormonal, e isso faz crescer o tumor.
  • A raça é outro dos agentes de risco. Acontece aproximadamente 70% mais frequentemente em homens afro-americanos.

A principal medida para a detecção precoce do cancro da próstata é uma revisão médica que abrange um tacto rectal e um exame sanguíneo que inclui a determinação do antígeno prostático específico (PSA)".

Ou ligamos-lhe

* Horários de atenção consoante a hora de Espanha peninsular.

Obrigado. Entramos em contacto consigo o mais rápido possível.

O campo telefone é obrigatório.

Pedimos-lhe que verifique o número de telefone. O mesmo deverá ter entre 9 e 15 dígitos e começar por 6,8,9,71,72,73 ou 74. No caso dos números internacionais, por favor, introduza 00 seguido do prefixo internacional correspondente e o seu número de telefone (00-prefixo internacional 34-número de telefone 948 255 400)..

Espere um momento enquanto damos seguimento ao seu pedido.

Fechar Enviar

talvezlhe interesse

RAZÕES PARA VIR

Porque é que a Clínica é diferente em relação a outros centros sanitários?

Imagen de una niña pequeña con cáncer por los pasillos de la Clínica

ENSAIOS CLÍNICOS

Deseja participar nos nossos ensaios clínicos? Conheça quais os que estão ativos.
Imagen médico investigando con microscopio

SERVIÇOS INTERNACIONAIS

Saiba o que fazemos para os nossos pacientes internacionais.
Entrada principal a la Clínica Universidad de Navarra